9.-JUROS DE MORA ESTÃO SENDO COBRADOS DEVIDAMENTE

Quando opera com vendas a prazo para seus clientes, a empresa fixa, regularmente, suas taxas de juros para financiamentos e multas para os atrasos. Estes devem ser cobrados e lançados, devidamente, de acordo com aqueles padrões. No caso de cheques pré-datados, sua liberação e conferência de juros (quando existirem), deve ser feita pelo Gerente, de acordo com as normas da empresa. Porque cheques pré-datados (e a cobrança ou não de encargos sobre eles, em muitas situações) deve levar em conta a situação de cada cliente e de cada mercado, o que é difícil disciplinar através de normas únicas e centralizadas.

A não cobrança de juros para pagamentos com atraso pode se constituir num escoadouro do capital de giro da empresa, por não estar sendo reposto. Isto é mais crítico quanto maior for a taxa de inflação. Por outro lado, estes encargos de mora precisam estar afinados com as condições de mercado, para que os clientes não se sintam lesados pela empresa. Nesta hipótese, um problema momentâneo, em muitos casos (inadimplência temporária), transformar-se-ia num problema permanente (a perda do cliente)!

Encargos financeiros podem ser cobrados acima (ou abaixo) das condições de mercado, também por erro de cálculo de quem executa a cobrança. Razão pela qual, como tudo que é importante, alguém com maior experiência em matemática financeira deve treinar os operadores e efetuar uma supervisão permanente para reduzir tais erros a zero, preferencialmente.

Próxima dica .................................................................................................................................................