1.-MATERIAL PROMOCIONAL ESTÁ EM QUANTIDADE E QUA- LIDADE CORRETAS

As empresas investem muito, regularmente, na renovação do material promocional para as lojas. Este deve ser corretamente distribuído e aproveitado de forma a trazer os melhores resultados possíveis. São cartazes, cartazetes, "banners" faixas e faixetas para prateleiras e para as gôndolas, "canta-fregueses", etc.

Deve ser usado de acordo com as normas da empresa, em quantidade adequada, valorizando o interior e exterior da loja e atraindo a atenção dos consumidores para as ações promocionais. Este material promocional completa o esforço da empresa em motivar o consumidor para uma venda adicional. Porisso mesmo, seu uso no ponto do venda é importante, finalizando, às vezes, a última "cantada" no consumidor. Este aproveitamento não se restringe apenas ao material elaborado pela nossa empresa. Vale o raciocínio também para material de ponto de venda (MPV) produzido pelo fornecedor, em complementação a seu esforço publicitário. Claro que o uso deste material de terceiros deve ser autorizado por quem de direito.

No entanto, é aconselhável muita disciplina na utilização deste material, para evitar-se a poluição visual da loja. Se todo promotor puder afixar algo sobre seu produto, livremente, a loja ficará intransitável!

Próxima dica ..........................................................................................................................................